Vereador sugere construção de casas com madeiras em depósito

Pedido foi de Ricardo Barbosa sobre a destinação das araucárias e demais madeiras serradas foi apresentado na Câmara

O vereador Ricardo Barbosa (PSDB) quer informações a respeito da origem, quantidade e a destinação das araucárias e demais madeiras serradas que estão no depósito da Defesa Civil. 

Na sessão ordinária desta quarta-feira (13), ele formalizou pedido de informação ao Executivo, buscando saber ainda a quem pertence um caminhão baú fechado que está no depósito da Defesa Civil, cujo acesso é restrito, e o que contém em seu interior, bem como se os materiais são catalogados, como é feito o controle e qual a sua destinação.



Com relação as madeiras, Ricardo explica que a Defesa Civil recebeu há algum tempo a doação de araucárias que caíram em vendavais, além de outras madeiras brutas que estão no pátio, as quais poderiam ser aproveitadas pela secretaria de Assistências Social para a construção de casas populares. “Formalizamos o pedido e aguardamos as respostas para os próximos encaminhamentos, já que se trata de um volume significativo de madeira em desuso, enquanto temos um déficit de moradias no município”, explica.


 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Alteração na lei sobre prevenção de incêndios
Raul Ribas amplia agenda de compromissos
Caçador deverá arrecadar cerca de R$ 314 milhões em 2022
Rede de Proteção Animal deverá ser criada em Caçador
Previsão orçamentária para 2022 será apresentada na Câmara
Destaques Caçadorenses são homenageados na Câmara
Quase R$ 50 milhões beneficiam Matos Costa
Mais de R$ 190 milhões em investimentos anunciados para a região
Vereadores acompanham trabalhos no Centro de Bem-estar Animal
Raul Ribas é pré-candidato a deputado estadual