Sábado: Força tarefa flagra diversas aglomerações em residências e chácaras

Sem respeitar as restrições pelo novo decreto em virtude da pandemia, pessoas se aglomeraram em diversos lugares ou mantiveram estabelecimentos abertos

No sábado, 27, segundo dia de fiscalizações da força tarefa, composta pela segurança pública de Caçador, diversas aglomerações em residências e chácaras foram flagradas.

Foram registradas pelo menos 7 confraternizações clandestinas com aglomeração de pessoas em residências (churrascos, festas de aniversário, reuniões de pessoas com música) e 3 festas no interior.



“O que chamou a atenção é que, em uma das aglomerações, no Berger, havia dezenas de pessoas bebendo e dançando, com música alta, luzes e até um globo de teto, daqueles que existem em danceterias”, destacou o tenente Fischer, comandante das operações do dia.



Ainda, segundo ele, poucos foram os flagrantes de desrespeito no comércio. “E nas situações que encontramos, os proprietários foram bastante colaborativos e atenderam ao nosso pedido sem problema algum. Agora, o que notamos é que, as pessoas, em suas residências e nas chácaras, foram as que desrespeitaram o decreto em vigência”, completou.

Uma das ações da PM foi de investigar os locais de venda de bebidas alcoólicas e, assim, rastrear as entregas, podendo chegar aos locais e fazer os flagrantes. “Pedimos, mais uma vez, para que as pessoas respeitem os decretos em vigência. Não façam aglomerações, usem máscaras e colaborem com a saúde pública”, finalizou o tenente.

Foram encontraras também 4 aglomerações em praças públicas, onde as pessoas foram orientadas a dispersar.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caminhão é flagrado carregando toras de pinheiro ilegal em Lebon Régis
Gibiteca abre inscrições para Oficina de Desenhos na próxima segunda-feira, 19
Núcleo de RH da ACIC promove live sobre saúde mental neste sábado
Nova lei de trânsito entra em vigor na segunda (12); veja o que muda
Feira do Produtor Rural reaberta na Beira Rio
Empresa de Caçador é multada em mais de R$ 10 mil por crime ambiental
Gafanhotos gigantes intrigam moradores de Água Doce e região
Marido da vice-prefeita de Lebon Régis morre vítima da Covid-19
BRK Ambiental vai instalar novos equipamentos no bairro dos Municípios
Iniciada entrega de madeiras derrubadas na Taquara Verde durante Ciclone Bomba