DPCAMI trabalha na garantia dos direitos e deveres da criança e adolescente

Diariamente a delegacia especializada atua nas ocorrências que interferem na garantia dos direitos, sejam eles autores de atos infracionais ou vítimas de crimes

A Delegacia Especializada de Proteção à Mulher, Criança, Adolescente e Idoso (DPCAMI) de Caçador, tem um papel fundamental na garantia dos direitos dos cidadãos, sobretudo quando se trata dos princípios enunciados no Estatuto da Criança e Adolescente (ECA).

O delegado titular da DPCAMI, Marcelo Colaço, relata que na delegacia são atendidas todas as ocorrências que interferem na garantia desses direitos da criança e do adolescente, sejam eles autores de atos infracionais ou vítimas de crimes.



“Somente neste ano, já foram instauramos 54 procedimentos de apuração de ato infracional que foram cometidos por jovens e temos vários outros procedimentos que envolvem crianças, sobretudo vítimas”, afirma o delegado.

“Nós trabalhamos de uma forma em que todos os cuidados e atenção são concedidas, inclusive na forma multidisciplinar, pois disponibilizamos atendimentos com psicólogos para que esses menores sejam ouvidos e tenham o direcionamento correto dos casos. A nossa função primordial é garantir a proteção integral do jovem, com base no que preleciona o ECA”, complementa.

Os casos de negligência e de qualquer violência contra as crianças, devem ser denunciados ao Conselho Tutelar; Polícia Civil e Militar; Ministério Público ou Disque 100.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Uma das vítimas de acidente na BR-153 é caçadorense
Mais quatro mortes na BR-153 em Água Doce
Polícia de Curitibanos pede auxílio para encontrar jovem
Acusado de feminicídio em Fraiburgo é preso
PJSC alerta para golpes em motoristas de aplicativo
Dois homens são condenados e presos por estupro
Mulher morre após levar facada e sofrer acidente de carro
Rio das Antas busca apoio da Defesa Civil do Estado
Polícia Militar fará treinamento nas ruas de Rio das Antas
Policiais Militares visitam aniversariante na APAS de Caçador