Mirins recebem noções de Primeiros Socorros

Os jovens receberam treinamento do coordenador do Centro de Ensino dos Bombeiros Voluntários de Caçador, Giancarlo de Oliveira, com informações teóricas e ensinamentos práticos através de simulações

Os integrantes do Programa Câmara e Prefeitura Mirim participaram na manhã desta quarta-feira (13) de capacitação voltada aos primeiros socorros. Eles tiveram palestra com o coordenador do Centro de Ensino dos Bombeiros Voluntários de Caçador, Giancarlo de Oliveira, que prendeu a atenção dos jovens com informações teóricas e ensinamentos práticos através de simulações.
Segundo o instrutor, o treinamento teve como objetivo prepará-los para situações inesperadas do cotidiano e que podem ser cruciais para salvar vidas.
Durante o encontro, os estudantes tiveram noções de como avaliar um cenário antes de prestar auxílio à vítima, como avaliar o estado da pessoa que está precisando de atendimento e, em seguida, a efetivação dos primeiros socorros.
Segundo ele, no que se refere a avaliação do cenário, muitas vezes a pessoa, no desejo de ajudar a vítima, não identifica o contexto do cenário, se a pessoa foi alvo de animal peçonhento, vazamento de gás, eletricidade, arma branca ou de fogo, medicamento ou algo tóxico, parada cardiorrespiratória, ou outro fator predominante, sendo este reconhecimento primordial para ajudá-la ou para a sua própria integridade.
“Logo depois há a necessidade da avaliação da vítima, dos sinais vitais, ver se apresenta lesões, tentar conversar e buscar entender o que aconteceu ou em caso de estar acordada buscar avaliar as reações do seu corpo até a chegada da ambulância ou no Hospital”, disse.
Por fim, o profissional enalteceu os procedimentos corretos no momento de prestar os primeiros socorros, com foco em paradas   cardiorrespiratória, engasgos, queimaduras e outras emergências, assim como curativos e imobilizações. Além disso, repassou informações sobre o protocolo mundial de como e quem priorizar no auxílio em casos envolvendo mais de uma vítima.
“São cenários de extrema importância que podem salvar a vida de quem precisa do atendimento e garantir a segurança do socorrista. Nosso objetivo é que os Vereadores Mirins, além de adquirir esse conhecimento, possam transmiti-lo em suas casas e nas escolas, sendo multiplicadores dessas informações, visto que todos nós estamos sujeitos a nos depararmos com situações como estas e muitas vezes não sabemos como agir”, completou.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Entregues primeiras camisetas do projeto “Eu Faço”
“Tive uma experiência de vida que me fortaleceu como pessoa e como médico”
Danielle Regina Ullrich é eleita a nova diretora-geral do IFSC Caçador
Programa Registro de Imóveis Itinerante chega ao município de Rio das Antas
Mais uma rua é asfaltada pela Prefeitura, agora bairro no Martello
Mudança de nome da região do Contestado gera críticas
Enfeites Natalinos começam a ser montados em Macieira
Santa Catarina ultrapassa a Bahia e é a sexta maior economia do país
UNIARP simula evacuação de prédio em exercício preventivo de segurança
Novo ensino médio será implantado em duas escolas de Caçador em 2020