Instituto Inspiração realiza debates sobre a violência contra a criança e adolescente

A última escola a ser visitada, foi a Escola Municipal de Educação Básica, Walsin Nunes Garcia, no bairro Figueroa

Com o objetivo de defender e apoiar crianças, o Instituto Latino-Americano de Proteção aos Direitos da Criança e do Adolescente, Inspiração, foi fundado em Caçador em 2017. Neste período, a equipe que coordena o projeto tem levado às escolas do município a mensagem de apoio para crianças violentadas. Nos últimos meses o Instituto tem promovido debates e rodas de conversas também com as famílias.
O presidente do Instituto, Manuel Paiva, afirma que o projeto tem uma demanda muito grande. “Acredito que temos conseguido passar nossa mensagem de apoio as crianças. A nossa bandeira é as crianças, por isso estamos abertos a quem quiser nos ajudar ou contribuir com o projeto. Precisamos de parceiros e apoiadores também para que o projeto continue seguindo”, destaca.


A última escola a ser visitada, foi a Escola Municipal de Educação Básica, Walsin Nunes Garcia, no bairro Figueroa. O debate promove uma discussão e a conscientização dos pais. O objetivo, é que em parceria, a família e a escola consigam tratar o problema antes de eles acontecer. “A intenção é tratar a violência, antes que ela aconteça. Tratar desse problema depois, é muito mais caro e mais traumatizante para a vítima. Por isso o Inspiração tem esse trabalho de forma preventiva”.
Além disso, Manuel Paiva comenta que é papel da família garantir os direitos da criança e do adolescente. “É na família que a criança deve sentir segurança para conversar. Que a criança deve se sentir segura como um todo. Por isso esses debates são tão importantes. Para que a família se conscientize que é dever dela garantir os direitos, e que em parceria com a escola é possível prevenir a violência”.
A agenda do Instituto Inspiração contempla ainda cidades da região. Em 23 de julho o Instituto deve estar palestrando em Santa Cecília. No dia 1° de agosto a palestra deve acontecer na Escola Esperança, no Bairro Martello. No dia 11 de agosto na Escola Rodolfo Nickel, além de uma série de palestras na escola do bairro Berger.
 
Vítima de violência? Denuncie:
No Brasil o “Disque 100”, criado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, é um serviço de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violência contra crianças e adolescentes.
O Disque 100 funciona diariamente de 8h às 22h, inclusive aos finais de semana e feriados. As denúncias são anônimas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita para o número 100; e do exterior pelo número telefônico pago 55 61 3212-8400 ou pelo endereço eletrônico: disquedenuncia@sedh.gov.br

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Locais de provas já podem ser consultados por estudantes que farão o ENEM 2018
Caçador: Prefeitura realiza mutirão de limpeza do Rio
Prefeitura de Macieira fará confraternização em comemoração ao dia do servidor público
Semana do Livro e da Biblioteca é celebrada no Sesc
Caçadorenses também foram vítimas da mudança automática de horário
Bombeiros voluntários recebem equipamentos devido a parceria com o governo do Estado
Caçador sedia Encontro Regional de Gastronomia
Atiradores participam de acampamento de instrução
Dia do Bem do SESI realiza três mil atendimentos
Caçador vence Lages por 8 a 3 e está na semifinal da Copa FJU SC