Construção de casa em área de risco e preservação ambiental é embargada

A ação contou com o apoio da PM e da fiscalização de obras da Prefeitura

Após uma denúncia de construção irregular nas margens do Rio do Peixe, na área conhecida como antiga Cibrazem, no Berger, servidores da Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente de Caçador estiveram no local para verificar a situação. 

A estrutura de madeira  iniciada para a construção da casa estava clandestina e, em área de preservação ambiental, além da área de risco.  Foi então executado o embargo da obra, apreensão do material e a notificação do cidadão responsável pela obra. 

“A casa estava sendo construída muito próxima as margens do Rio do Peixe e em um área de inundação e de preservação. Claro, de maneira clandestina sem as documentações necessárias para tal. Ou seja, além de ser uma preocupação com o meio ambiente é também com as pessoas que estariam em situação de risco”, destaca o fiscal ambiental Gustavo Furlin. 
A ação contou com o apoio da Polícia Militar e da fiscalização de obras da Prefeitura de Caçador. 

Os cidadãos que verificarem casos de construção de risco ou em área irregular deve fazer a denúncia para a ouvidoria da Prefeitura de Caçador pelo fone 162.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Prefeitura de Caçador vai construir nova escola, no bairro Nossa Senhora Salete
Associação Esportiva Kindermann comemora 44 anos de fundação
Mirins participam de vivência na APAE
Vara da Família faz mutirão para solucionar casos de pensão alimentícia em Caçador
Vem para o Parque Central: Piquenique Literário será no domingo
Prefeitura de Lebon Régis finaliza recuperação de estrada
Iniciadas obras de revitalização da rua José Boiteux
Lebon Régis realiza Caminhada Ecológica e Cultural
Conselho de Cultura convida a comunidade para reuniões Setoriais
A CIDASC de Caçador será transferida para Videira